Confinamento

Se querem realmente achatar a curva desta pandemia, deixem de "brincar" aos confinamentos e fechem tudo durante 1 mês, mantendo abertos exclusivamente as lojas de bens alimentares e farmácias. Só assim se vai conseguir achatar esta pandemia.

2021-01-16

Fecho dos centros de estudos e ATL durante o confinamento geral

Rever a medida de encerramento de centros de estudos e de actividades de tempos livres, por não ser uma medida razoável continuando as escolas abertas. Saliento que sou defensora do ensino presencial, todavia os pais que contam com estas respostas educativas, essenciais por diversas razões, não têm alternativa. A opção não pode ser deixar os nossos filhos sós, levá-los para o local de trabalho, ausentarmo-nos do nosso domicílio, em diversos momentos do dia, caso estejamos em teletrabalho, para os ir buscar e levar à escola, ou deixá-los com os avós. Como sugerem aos pais resolver a ausência de alternativa?

2021-01-15

Ensino Artístico Especializado - Curso Secundário de Música em Regime Articulado

Face à publicação do Despacho n.º 435-A/2021, de 12 de janeiro, que cria um grupo de Trabalho para os Cursos Artísticos Especializados e uma vez que o n.º 2 do despacho não prevê nenhum representante dos alunos e/ou dos EE's, deixo uma sugestão: Tendo em conta o potencial universo a nível nacional de alunos com interesse em prosseguir os estudos no Curso Secundário de Música em regime articulado parece útil permitir o acesso também aos alunos que optem pelos cursos científico-humanísticos, ainda que nestes casos possa resultar carga horária acrescida (acontece com a frequência em regime supletivo). Embora estejam implícitas alterações a outros normativos relativos à frequência e avaliação, são universalmente conhecidas as correlações entre a música, a matemática e outras ciências, e o facto de o atual plano curricular do ensino secundário da música em regime articulado não incluir a disciplina de matemática é inconcebível. A frequência como aluno autoproposto não é alternativa.

2021-01-15

Voto Eleições Presidenciais 2021

Boa tarde, espero que se encontrem bem. A minha sugestão vem em forma também de desagrado: sou enfermeira e não vou poder exercer o meu direito de voto. No dia 24 de Janeiro estarei a trabalhar das 08h às 20h. Informei o chefe de serviço, que não tem como dispensar um elemento durante 1h para ir votar, porque existe falta de enfermeiros. O voto antecipado foi uma boa iniciativa contudo, também não foi possível inscrever-me até ao período limite para o voto em mobilidade uma vez que o horário dos enfermeiros está a ser afixado de duas em duas semanas e mesmo no dia limite de lançamento, pois o trabalho para preencher o número de enfermeiros por turno é extremamente complexo por também falta de elementos. Gostaria que alargassem o período de inscrição para o voto antecipado e que prestassem mais atenção a como o trabalho está a ser exercido nos hospitais.

2021-01-15

Escolas de condução

Funcionamento das escolas de condução a 100%. Escolas de condução têm raramente mais de 15 pessoas por sala. Aplicando a mesma lógica de que nas escolas secundários e ensino básico não se espalha o vírus (sendo que há turmas com mais de 30 pessoas), nas de condução também não. Há pessoas que precisam de tirar a carta para poderem trabalhar e é simplesmente ridículo fecharem as escolas de condução.

2021-01-15

Voto Presidenciais 2021

Sugiro a que seja dada hipótese de voto antecipado a qualquer cidadão português que não esteja presente no local da sua residência (quer seja em Portugal ou não).
Penso que, principalmente em ano de pandemia, deveria ser dada a hipótese de voto a portugueses que estejam recenseados no estrangeiro, mas que estejam em Portugal por um período alargado de tempo (até depois das eleições), em teletrabalho, junto das suas famílias. Dado o confinamento geral adotado na maior parte dos países europeus, estão a impedir os portugueses emigrantes de exercerem o seu direito de voto, quer estejam em Portugal, quer estejam no estrangeiro.

2021-01-11

Confinamento

Porquê mais um confinamento? Estes números são resultado das reuniões familiares da passagem de ano. Sim, porque houveram famílias numerosas a juntarem-se, independentemente do recolher obrigatório. Por isso, temos que deixar de trabalhar outra vez. As ajudas do estado não são suficientes. Deixem-nos trabalhar.

2021-01-09

Prorrogação de prazos de validade de documentos pessoais- CC, Carta de condução, cartões de beneficiário de sub-sistemas de saúde (por ex ADM/A/FA)

A viver-se um período de excepção devido à pandemia, o agendamento presencial para renovação desses documentos nos locais próprios, está a demorar alguns meses. Muitos desses cartões/doc de identificação não são aceites fora do prazo de respetiva validade. Provavelmente a situação sanitária irá agravar-se num futuro próximo. Sugiro que os órgãos competentes prorroguem o prazo de validade dessa documentação pelo menos por mais 6 meses até que a revalidação possa ser efetuada presencialmente.
À consideração das autoridades competentes,

JBG

2021-01-08

Nova categoria com benefícios no IRS com a declaração de facturas

Embora seja obrigatório todas as atividades comerciais passarem factura pelos produtos/ serviços que prestam, existem ainda algumas que pelas suas caraterísticas raramente o fazem. Esta situação além de contrariar o que está estabelecido, não permite, a médio longo prazo, conhecer o impacto social e económico dos prestadores destes serviços na economia nacional. Trata-se das costureiras, estabelecimentos de arranjos de costura e dos sapateiros e concertos de calçado. Sendo duas atividades que contribuem para aumentar a vida útil quer da roupa, quer do calçado, quer de acessórios (cintos, malas, bijutaria) deviriam ser valorizadas, como atividades amigas do ambiente, que contribuem para uma economia circular, para a diminuição destes resíduos. Se, à semelhança, das outras categorias, como por exemplo os serviços de veterinária, ou de estética, cabeleireiro e ou barbeiro, existisse benefício fiscal pela apresentação de facturas destas atividades, numa categoria própria, permitiria um maior controlo fiscal das mesmas e o cruzamento de informação, vantajoso para a os serviços da autoridade tributária, trazendo maior transparência e equidade fiscal a estes sectores.

2020-12-28

Redução do número de Deputados e, depois de aprovado, o aumento do seu salário

Proponho a redução de Deputados para até 100. Após aprovada a proposta, deverão aprovar o aumento de vencimento, para o exercício em exclusividade, e viverem sem debilidades económicas.

2020-12-15